10.03.2016, addicted to sushi

Apesar de meio mundo afirmar que é algo que temos que aprender a gostar, eu não concordo por completo. Só não discordo a 100% porque conheço pessoas que realmente só começaram a gostar à 2ª ou 3ª tentativa.

Eu demorei a experimentar sushi. Já estava mais que "na moda" quando decidi aventurar-me pela gastronomia japonesa. Sempre me disseram para escolher bem o restaurante onde me iria estrear, e foi o que fiz. Escolhi um sítio que já várias pessoas me tinham dito que era muito bom e onde eu poderia comer outro tipo de comida, caso a coisa corresse mal. Mas não precisei de recorrer a outras cozinhas porque adorei. Foi a minha primeira experiência no sushi e foi o suficiente para viciar. Entretanto, já fui a restaurantes onde não fiquei fã e a outros que conseguiram ultrapassar o meu primeiro sushi.

E porque é que digo que não concordo totalmente que o sushi é algo que se aprenda a gostar? Não apenas porque eu gostei logo à primeira experiência, mas porque conheço umas quantas pessoas que já tentaram várias vezes e não conseguem gostar. Aliás, há tempos fui com uns amigos a um restaurante onde comi o melhor sushi que provei até hoje e dois deles (que já estavam na enéssima tentativa), continuaram a dizer que aquilo não era para eles. E tenho-vos a dizer que, se não foram capazes de adorar aquele sushi, nunca irão gostar.

A questão é que, normalmente, quando alguém vai experimentar sushi não escolhe bem o sítio. Como tem medo de não gostar, também não quer pagar muito e isso acaba por influenciar (na maioria das vezes). Daí que a primeira experiência não é grande coisa mas, à segunda, já são capazes de ir a outro restaurante, pagar mais um pouco, e já começam a apreciar. Acredito que com algumas pessoas essa teoria de "aprender a gostar" se aplique mas, honestamente, acho que representam uma pequena percentagem.

Por isso, se nunca tiverem experimentado e estiverem interessados nisso, façam uma pequena sondagem pelos vossos amigos (ou até na Zomato, que ajuda bastante) para escolherem um restaurante onde tenham a garantia que o sushi é bom. E, apesar da maioria dos restaurantes com bom sushi praticarem preços um pouco generosos, há sempre por aí alguns bons e bem acessíveis. Por exemplo, eu experimentei no Temako e, comparativamente com a generalidade dos restaurantes japoneses, os preços são bastante acessíveis e o sushi é muito bom. E um conselho: não arrisquem nos buffets, só se várias pessoas vos garantirem que é um buffet de qualidade (por experiência própria, a maioria dos buffets aposta mais na quantidade de arroz que de peixe, e o molho de soja costuma deixar muito a desejar).

Comentários

  1. Eu sou uma apaixonada por sushi. Da primeira vez que comi, não desgostei, mas também não morri de amores, tenho de confessar...
    Tal como frisaste neste texto, é muito importante escolher bem os locais! (: Eu já experimentei em 4 ou 5 sítios e tenho tido sorte! :p De qualquer modo, passo muiiiiiito tempo sem comer (a qualidade paga-se, quando for rica irei mais vezes xD).
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  2. Antes de mais, obrigada pela visita e comentário no meu blog.
    Concordo em absoluto contigo, no que a sushi diz respeito. A minha primeira vez foi num bufet e apesar de ter gostado, não fiquei fascinada. Voltei a experimentar e desta vez foi num restaurante bastante aclamado cá em Leiria. Fiquei maravilhada. Estou ansiosa por voltar a ir lá. Só é pena ser tão caro!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

O língua alemã e as suas declinações

A minha carteira até chora

1 mês depois...